Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on print
Print

Calendário comemorativo celebra os 100 anos do nascimento de Paulo Freire

Promovido pelo Conselho de Educação Popular da América Latina e do Caribe calendário traz ilustrações de 12 cartunistas para você baixar


O Conselho de Educação Popular da América Latina e do Caribe (CEAAL) e a organização Freireando Porto Alegre apresentam a “Campanha Latino-Americana e Caribenha em Defesa do Legado de Paulo Freire”, para comemorar e lembrar os 100 anos de nascimento do educador brasileiro.

Como parte das comemorações, ambas organizações produziram um calendário temático, onde cada mês apresentam uma arte especial, feita por 12 artistas visuais do RS, entre eles ilustradores, cartunistas e um grafiteiro, que doaram suas produções para o calendário. As artes ainda integram uma série de Cartões Pedagógicos para serem divulgados para espalhar o legado de Paulo Freire.

A produção do calendário e contato com os artistas foi de Cris Pozzobom, e os artistas que produziram e doaram suas artes são Alisson Affonso, Aline Daka, Amaro Abreu, Bier, Edgar Vasques, Fabiane, Latuff, Leandro Bierhals, Natália Forcat, Santiago, Schröder e Vecente.

O calendário está disponível. Clique, aqui.

 

O Conselho de Educação Popular e o legado de Paulo Freire

Segundo Liana Borges, o CEAAL é um Conselho que agrega 20 países latino-americanos e caribenhos, estando o Brasil entre eles, que tem como prioridade pensar, acompanhar, articular, desenvolver e aprofundar ações, práticas, políticas e publicações que tenham a ver com o tema da educação popular. Isso, obviamente, passa pelo legado e pensamento de Paulo Freire, mas que extrapola o educador, agregando outras práticas e educadores e educadoras populares.

Liana lembra que a sigla CEAAL se refere ao nome original da organização, que era Conselho de Educação de Adultos da América Latina e Caribe, que foi criado nos anos 1980, tendo como primeiro presidente o próprio Paulo Freire:

“Atualmente, o Conselho tem um estatuto que foi recentemente renovado e que faz com que nos organizemos em diferentes instâncias. Eu, por exemplo, participo de uma rede nacional chamada “Café com Paulo Freire”, que busca pensar e recriar seu legado”, explica Liana.

Além da organização do CEAAL no Brasil, Liana Borges também constrói o movimento Freireando Porto Alegre, uma série de entidades e organizações que pensam a educação popular a partir da capital gaúcha. Neste ano, o centenário de Freire estará no centro das discussões destas entidades, sobretudo no que se refere às questões de formação política e pedagógica, para ajudar a manter o legado de Freire vivo nas bases comunitárias e da sociedade civil organizada. Nesse sentido, vieram a tona formas de expressar esse legado, daí surgiu a ideia de buscar os artistas que pudessem contribuir com ilustrações para um calendário comemorativo.

Confira todos os cartões pedagógicos. Estão disponíveis
para serem baixados e compartilhados. Acesse, aqui.

“Nos articulamos com os cartunistas, com intermédio da Cris Pozzobom, e do Santiago e do Vecente, que foram chamando outros artistas, para que eles pudessem a partir do seu olhar da arte, mostrar como que eles enxergam a importância da comemoração do centenário do Paulo Freire e da importância do seu legado” afirma Liana.

Lembra ainda que estavam planejadas em 2020 a realização de uma série de formações e atividades com movimentos e lideranças comunitárias, mas que a pandemia inviabilizou. Daí a importância dessas artes: “A partir destas artes que produzimos o que estamos chamando de cartões pedagógicos, que já estão circulando, mas que terão um lançamento oficial dia 29 de janeiro no Fórum Social Mundial”.

Antes disso, Liana ressalta que serão feitas as entregas desses cartões na Casa Rosa, que é uma casa que trabalha com trabalhadores recicladores de Porto Alegre, dia 17 de janeiro, com uma roda de conversa virtual, para marcar a doação de 100 conjuntos dos cartões que contam a história da vida e da obra do Paulo Freire a partir das ilustrações. A mesma ação está sendo planejada com o pessoal do Jornal Boca de Rua e com a Casa de Mulheres Mirabal, mas que estas ações ainda estão sendo pensadas, respeitando as necessidades e realidade de cada local.

Outras ações e atividades serão divulgadas no Blog do Freireando Poa e na página do Facebook do CEAAL.

Por BDF

Arquivos

Categorias

Meta