Ciclo “Transição para sociedades sustentáveis” tem debate online nesta terça (30)

Debate sobre economias de transição irá propor alternativas às atuais crises no ciclo Transição para Sociedades Sustentáveis

 

.

O objetivo é mostrar as alternativas que já existem ou estão em formação para superar as atuais crises de escala global, inclusive a pandemia pelo novo coronavírus e as que são desencadeadas a partir dela

O I Ciclo Formativo Transição para Sociedades Sustentáveis segue na próxima terça-feira, 30/06/2020, às 10h, pelo canal do YouTube do Observatório Educador Ambiental Moema Viezzer. Link para a transmissão: I Ciclo Transição p/ Sociedades Sustentáveis – economia.

Nesta terça, serão tratados temas relativos às economias de transição: economia do bem comum, economia ecológica, economia da felicidade, economia fraterna e economia de comunhão.

O objetivo é mostrar as alternativas que já existem ou estão em formação para superar as atuais crises de escala global, inclusive a pandemia pelo novo coronavírus e as que são desencadeadas a partir dela.

A engenheira de produção e professora da UFPE, Andreza Lucas, o consultor em desenvolvimento Juliano Hoesel e o médico, professor da Unila e pesquisador de Medicina do Estilo de Vida e de saúde planetária, Roberto Almeida, são os convidados para esse debate.

O I Ciclo Formativo Transição para Sociedades Sustentáveis é realizado pelo Observatório Educador Ambiental Moema Viezzer, vinculado ao Instituto Mercosul de Estudos Avançados (Imea) da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila), e pelo projeto de extensão Doc Ambiente.

Os encontros são online e gratuitos, e seguem toda terça-feira até 14/07/2020, sempre pelo canal do Observatório no YouTube. Ao final de cada encontro, são sugeridos pelo Doc Ambiente filmes de ficção ou documentários sobre os temas abordados no dia, como interface da produção cinematográfica com a educação ambiental. As inscrições para a modalidade formativa estão encerradas, mas é possível participar como ouvinte dos encontros.

Informações:
observatorioambientalfoz@gmail.com

Por assessoria

Arquivos

Categorias

Meta