Latinoware

Jon “Maddog” Hall, ícone do software livre mundial, está confirmado para a edição 2019 do evento deste ano

O diretor do Linux Professional Institute, Jon “Maddog” Hall, considerado um dos grandes entusiastas do software livre no mundo, é uma das presenças confirmadas para o 16º Congresso Latino-Americano de Software Livre e Tecnologias Abertas (Latinoware). O evento acontece entre 27 e 29 de novembro, em Foz do Iguaçu (PR).

“Maddog” participou de todas as edições do congresso é sempre uma atração à parte nos corredores do Latinoware, seja exibindo no braço uma tatuagem do pinguim Tux – mascote do Linux – ou posando pacientemente para centenas de fotos ao lado dos participantes.

Já em suas palestras, ele costuma abordar assuntos que estejam em evidência. Em 2018, por exemplo, falou sobre segurança de dados; em 2016, alertou o Brasil para usar melhor as aplicações relacionadas às Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC); e em 2011 comemorou os 20 anos do Linux, destacando resultados e perspectivas futuras do sistema operacional.

Jon “Maddog” Hall recebeu o apelido de seus alunos na Hartford State Technical College, onde era chefe do Departamento de Ciência da Computação. O apelido teria vindo de uma época em que tinha menos controle sobre meu temperamento. Jon trabalha com informática desde 1969, é utilizador de Unix desde 1977 e de Linux desde 1994, sendo reconhecido como uma figura respeitada no movimento do software livre.

Latinoware

O Latinoware 2019 é promovido pela Itaipu Binacional e pelo Parque Tecnológico Itaipu (PTI). As inscrições antecipadas podem ser realizadas pelo site oficial do evento (www.latinoware.org) ao custo de R$ 60. A intensa programação deve contar com mais de 100 atividades, entre palestras, minicursos, workshops e mesas-redondas, além de um espaço para exposição.

__________________________
Assessoria PTI

Arquivos

Categorias

Meta