Literatura buena onda

  –  Editora argentina lança livros infantis com histórias de “antiprincesas” da América Latina  –  

As meninas de hoje conhecem tantas histórias de princesas que muitas vezes acabam pensando que são uma delas. Mas não seria genial se as crianças também fossem apresentadas às histórias de vida de mulheres inspiradoras e pioneiras? Essa é a proposta de uma nova coleção de livros infantis.
antiprincesas3a
Com o nome de “Antiprincesas“, a coleção já conta com três livros publicados. Os dois primeiros contam a história da pintora mexicana Frida Kahlo e da artista chilena Violeta Parra. Já o o terceiro livro será dedicado a Juana Azurduy, mestiça boliviana que participou nas lutas pela independência da “América espanhola”. A proposta é continuar apresentando mais histórias sobre a vida de mulheres latino-americanas que foram protagonistas em suas áreas.
As publicações são da editora Chirimbote em consórcio com a Sudestada e os livros publicados são de autoria de Nadia Fink com ilustrações de Pitu. Inspirar as meninas e mostrar que elas podem ser muito mais do que princesas é um dos motes da coleção, que busca mostrar um modelo de mulher bem diferente do que é estereotipado pelas princesas da Disney.
Outras histórias – “Queríamos romper com o esteriótipo da mulher cuja beleza está embasada no seu aspecto externo e mostrar exemplos de mulheres reais”, explica Nadia Fink.
Liberdade, criatividade e a busca pela justiça são algumas das características das antiprincesas desta coleção. A diferença das clássicas histórias infantis, que são ficção, as antiprincesas não são de fantasias. São algumas das mulheres mais destacadas da cultura e da história latino-americana.
O único porém é que os livros ainda não estão disponíveis em português. Mesmo assim, pessoas de todo o mundo podem adquirir os livros da coleção, em espanhol, comunicando-se on line com  sudestadarevista@yahoo.com.ar . 


Com Hypeness e Latercera
 
 
 

Arquivos

Categorias

Meta