Muamberia Cultural

  – Escritora paraguaia faz circuito na fronteira lançando livro de poesia e conversas sobre a aproximação da literatura de Roa Bastos e o cinema  –


 
Nos dias 18 e 19, em Foz do Iguaçu e Ciudad del Este respectivamente, a escritora paraguaia Maria Esther Zaracho Robertti desenvolverá a atividade “Muamberia Cultural”. Na ocasião, lançará “Esto no es un postal”, livro de poesia escrito por ela, editado em 2016. No lado brasileiro, a atividade cultural será realizada no Sudacas Bar. Já em Ciudad del Este, a atividade terá como palco o El Bar- Dal Cultural. Nas duas edições a entrada é gratuita.
A artista explica que o nome “Muamberia Cultural” é uma forma de se posicionar politicamente como artista sobre a realidade dos dois países. “Enquanto a elite econômica e governantes de nossos países nos excluem, decidimos resistir como povos solidários com a cultura nas costas, como muambeiros mesmo cruzando as fronteiras’, define Maria Zaracho.
 

Maria Zaracho tendo ao fundo fac símile de correspondência do escritor Roa Bastos. (Arquivo da autora)

A programação:
Na programação de “Muamberia Cultural”, lançamento de livro, sarau de poesias e uma exposição de Maria Zaracho sobre “Roa Bastos e o Cinema Paraguaio’, tratando das relações do escritor mais famoso do Paraguai e a produção de cinema. “A conversa explora outra faceta do escritor, desta vez como roteirista de cinema, um ofício que ele também construiu no exílio. Também exploraremos seus vínculos, influências no cinema paraguaio e como imaginou o futuro do cinema paraguaio e latino-americano”, explica Maria.
 
Maria Zaracho é gestora cultural e psicóloga. Cursou a Universidade de La Habana, emCuba, e a Universidade Católica de Assunção, no Paraguai.  Atualmente é mestranda de Antropologia Social na Universidade Católica da capital paraguaia. Escreve poesia, artigos e ensaios sobre comportamento, cultura e literatura. Investiga cruzamentos entre arte e antropologia. Recentemente, publicou o poema M’beru na revista Escrita, da Guatá. (Para lê-lo, clique aqui)
“Esto no es una postal”, o livro que autora está promovendo em sua breve turné pela fronteira, reúne poesias escritas entre os anos de 2000 e 2015. O custo do livro é de 25 reais. Apoiam as duas edições do evento:  Agendarte, El bar Dal Cultural, Sudacas Bar, Oficina permanente de Tertulias Literarias.
 
SERVIÇO:
Muamberia Cultural

Dia 18, terça-feira, 20 horas
Sudacas Bar – Foz do Iguaçu
Dia 19, quarta-feira, 20 horas (horário paraguaio)
El bar Dal Cultural – Ciudad del Este
______________________
Guatá / Silvio Campana com assessoria

Arquivos

Categorias

Meta