No meio do caminho, poema de Carlos Drummond de Andrade

Poema publicado em 1928, julho de 1928 no número 3 da Revista de Antropofagia dirigida por Oswald de Andrade. Ouça sua versão em várias línguas.

No meio do caminho tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.

Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra.

 

CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE, poeta brasileiro (1902-1987).
CHARGE Feita por VAGN (1946-1970) e publicada no “Jornal do Brasil”, em 7 de Junho de 1969