O olhar de Verónica Sfórza

  –  Ilustradora paraguaia participa da edição 51 de revista Escrita  –

.
Verónica Sforza é ilustradora e pintora.
.
Ela nasceu em 1990 em Assunção, capital do Paraguai. Seu interesse pela pintura começou cedo, aos nove anos de idade, ao ingressar no Instituto de Artes do professor Porfírio Bustos. Aos 14 passou a trabalhar no mesmo Instituto, então como auxiliar.
.
Ao finalizar o ensino médio, Vero Sfórza (apelido pelo qual  Verónica também é conhecida) foi para Buenos Aires, para continuar estudando Artes Visuais. Na capital argentina fez vários cursos de especialização no Instituto Universitário  de Artes Visuais e participou de trabalho voluntário na área artística na Fundação Lebenshon.
.
Em 2013, passou a trabalhar com ilustrações gráficas e muralismo. Nesta área de atuação, a artista paraguaia firmou-se e atualmente realiza trabalhos de ilustrações e muralismo para editoriais.
.
Verónica tem no currículo várias mostras individuais e coletivas das quais participou. Entre elas, a pintora destaca a coletiva “Diversidad” (em 2015) e duas individuais relativas ao “Dia Internacional do Jazz”, em 2016 e 2017.
.
Suas ilustrações tem ocupado espaços editoriais. Entre seus trabalhos de muralista, estão os que fez para centros culturais em Assunção e Buenos Aires. Sobre a temática e a linguagem de sua pintura, Vero Sfórza explica que tem desenvolvido sua arte mais perto do surrealismo, sempre voltada à valorização de paisagens, da infância e da música.
.
“Em cada trabalho que realizo, tenho a intenção de que o observador se sinta dentro da composição, e passe a fazer parte dos traços orgânicos da obra, explica.
.
Observação: imagens originais coloridas. Aqui, reproduzidas a partir da edição em preto e branco da Escrita 51

 

Arquivos

Categorias

Meta