Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on print
Print

poesia

Um poema de Fadwa Tuqan

Sento-me para escrever…
Mas, o que é que posso escrever?
De que vale dizer
‘pátria minha’… ‘minha gente’… ‘meu povo’?
Será que posso proteger a minha gente com palavras?
Será que com palavras salvarei meu povo?
Por acaso não é absolutamente ridículo, sentar-me,
hoje, para escrever?”

_______________________________
(Fadwa Tuqan, poetisa palestina. (1917-2003)