"Sanaúd!", voltaremos!

Juventude Palestina do Brasil organiza encontro nacional em Foz do Iguaçu, de 26 a 28 de julho. O objetivo do grupo é reunir jovens para discutir o futuro do povo palestino.

Com o apoio da Embaixada da Palestina no país, evento acontece no final de julho
(Foto: Divulgação )

A Juventude Palestina do Brasil (Sanaúd) se reunirá de 26 a 28 de julho, em Foz do Iguaçu, no Paraná. O nome Sanaúd significa “voltaremos”, remetendo ao retorno do povo palestino às suas terras. O objetivo do grupo é reunir jovens de origem palestina, na faixa etária de 17 a 29 anos, em torno de discussões para colaborar com a Causa Palestina no Brasil.

A Sanaúd é uma organização de jovens que já havia funcionado no Brasil, mas que encerrou suas atividades há cerca de 20 anos. Um novo grupo (foto acima) foi formado durante o 10º Congresso da Federação Árabe Palestina do Brasil (Fepal), que ocorreu em abril deste ano, em Porto Alegre. “Nesse evento, um dos líderes disse que somos a juventude da Palestina. Pediu para conversarmos porque somos o futuro da Fepal”, afirmou à ANBA um dos organizadores do evento e representante da Sanaúd, Yousef Amer, de 19 anos.

A primeira palestra do encontro será sobre a história da Sanaúd no Brasil, quando fundadores e membros antigos compartilharão suas experiências no movimento jovem palestino. O evento terá, ainda, apresentações como a de Fábio Amaro, doutor em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (UNB), sobre “A Palestina no contexto das Relações Internacionais no Oriente Médio”; e com Hanna Yousef Emile Safieh, palestino radicado no Brasil e professor aposentado da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), abordando o tema “A Questão Palestina e o império geopolítico no seu contexto regional e internacional”.

No Sanaúd não há diretoria para que todos os jovens possam contribuir de maneira mais igualitária. “O encontro da juventude é pensar no futuro, como a gente pode ajudar a Palestina aqui no Brasil. Todas as palestras e eventos que acontecerão nele vão ser para abrir a mente dos jovens, para ter ideias de atividades em suas próprias cidades. É para as pessoas voltarem motivadas, como eu voltei do Congresso, em abril”, explicou o jovem, que é aluno de Engenharia de Petróleo na Universidade Federal de Pelotas (Ufpel).

O estudante é natural de Pelotas (RS) e sua origem palestina vem tanto do pai quanto da mãe. Os dois são palestinos que migraram para o Brasil. Ele explica que a comunidade árabe no Sul é grande, sendo que Pelotas, por exemplo, tem de 30 a 40 famílias residentes.

O primeiro dia do encontro será aberto e no sábado começam as atividades fechadas para o Sanaúd. O evento tem apoio da Fepal e da Embaixada da Palestina no Brasil. A organização informou que grupos de Porto Alegre, Manaus e Brasília também estão se organizando para comparecer ao encontro.

Serviço:

Encontro da Juventude Árabe Palestina – Sanaúd
Do dia 26 a 28 de julho
Hotel Golden Park (Rua Almirante Barroso, 2006 – Centro), Foz do Iguaçu – Paraná
Mais informações: juventudesanaud@gmail.com
Inscrições gratuitas

_____________________
Agência de Notícias Árabe-Brasil

Arquivos

Categorias

Meta