Sobre Tom

Neste sábado (25), TV Cultura exibe programa em homenagem ao nascimento do compositor Tom Jobim

Especial “Tom Jobim – As Nascentes” vai ao ar neste sábado (25/1) pela TV Cultura (reprodução de tela)

Neste sábado (25/1), a TV Cultura celebra o nascimento do maestro e compositor brasileiro com o especial “Tom Jobim – As Nascentes”. Gravado em 8 de março de 1993, na casa do compositor, no bairro do Jardim Botânico, no Rio de Janeiro, o programa tem direção de Fernando Faro e traz o músico bastante informal, ao piano, no estúdio de sua casa tendo ao fundo a floresta da Tijuca e vista para o Cristo Redentor, cenário que o inspirou em várias composições.

Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim nasceu na cidade do Rio de Janeiro em 25 de janeiro de 1927. Morreu em Nova Iorque, EUA, em 8 de dezembro de 1994. Mais conhecido pelo seu nome artístico Tom Jobim, foi compositor, maestro, pianista, violonista, cantor e arranjador. Expoente da música popular brasileira foi parceiro de grandes nomes como Vinicius de Moraes e Chico Buarque, e um dos mais influentes do movimento da bossa nova.

Conhecido internacionalmente, nos Estados Unidos gravou discos (o primeiro individual foi The Composer of Desafinado, Plays, de 1965), participou de espetáculos e fundou sua própria editora, a Corcovado Music. Em 1964, competindo com os Beatles, os Rolling Stones e Elvis Presley, Tom Jobim ganhou o Grammy de Música do Ano com a “Garota de Ipanema”.

Veja mais da vida e obra de Tom Jobim, clicando aqui.

O especial da TV Cultura

Na edição, o músico fala da família, relembra passagens da infância, fala do pai, Jorge Jobim, que não conheceu, e da mãe, Nilza. Conta quando chegou o primeiro piano em casa e que, aos 14 anos, já tocava de ouvido. Jobim fala da admiração que tinha por Villa-Lobos e Pixinguinha, e mostra um cartão que recebeu de Carlos Drummond de Andrade, dizendo que quem fazia letras como ele não necessitava de nenhum parceiro. Esta declaração é ilustrada com cenas do programa MPB Especial, de 1973, com Elis Regina cantando Águas de Março. Tom fala também de Radamés Gnatalli, conta que gravou várias músicas de Ary Barroso e relembra com carinho a parceria com Vinicius de Moraes.

O especial apresenta ainda trechos do filme Orfeu do Carnaval, dirigido por Marcel Camus, baseado na peça que ganhou vários prêmios em Cannes e Oscar de melhor filme estrangeiro. Traz também imagens do cantor interpretando Se Todos Fossem Iguais a Você, com Vinicius de Moraes, e Garota de Ipanema, com Frank Sinatra. No final do programa, Jobim fala do amigo Chico Buarque.

O especial Tom Jobim – As Nascentes vai ao ar na TV Cultura, às 22h.

_______________________
Fonte: TV Cultura e Wikipédia