Vacina testada no Brasil é aprovada para uso emergencial na China

Por enquanto a vacina será sendo usada apenas em pessoas do grupo de risco e profissionais de saúde. Os resultados dos testes no Brasil devem sair em outubro.

Os resultados do teste da vacina no Brasil deve sair em outubro (Foto: gov. SP)

A vacina chinesa CoronaVac, que está sendo testada em 9 mil voluntários no Brasil, recebeu aprovação para uso emergencial na China, onde está sendo aplicada desde julho. A informação foi confirmada por uma fonte do país asiático à Agência Reuters.

Por enquanto, apenas pessoas consideradas do grupo de risco ou mais expostas ao vírus, como médicos, estão sendo imunizadas.

A aprovação veio antes da conclusão dos testes da última fase, que determina se o imunizante é realmente seguro e eficaz. No Brasil, os voluntários estão sendo acompanhados diariamente, e os resultados dessas análises são esperados para outubro. O Instituto Butantan é quem coordena os estudos no país. No Paraná, a vacina chinesa está sendo testada através de um convênio com a UFPR.

Além do Brasil, o imunizante também está sendo testado na Argentina, Marrocos, Emirados Árabes Unidos e Peru.

Fonte: Catraca Livre